- Publicidade -spot_imgspot_imgspot_imgspot_img
segunda-feira, 17 / junho / 2024

- Publicidade -spot_imgspot_imgspot_imgspot_img
- Publicidade -spot_imgspot_imgspot_imgspot_img

IMPERATRIZ: Projeto do Parque Natural está em fase de implementação

Mais Lidas

Em uma área de 31.844 hectares a cidade de Imperatriz conta desde 2021 com o Parque Natural Municipal de Proteção Integral Arara Azul. O decreto de número 086/2021, criando a unidade, foi assinado pelo prefeito Assis Ramos (União Brasil), após doação da área pela Valec Engenharia, Construções e Ferrovias S.A, nas proximidades do Conjunto Habitacional Itamar Guará, região do grande Vitória. Objetivo básico do Parque é a preservação de ecossistema de grande relevância ecológica, possibilitando a realização de pesquisas cientificas e o desenvolvimento de educação ambiental, proporcionando aos visitantes o contato diretor com a natureza.

“A implantação do Parque Natural de Imperatriz faz parte de um compromisso do prefeito Assis Ramos com a população de nossa cidade. Com a efetivação do projeto, por meio de decreto assinado em 2021, além de preservar a biodiversidade da área doada pela empresa Valec vai efetivar a realização de múltiplas atividades para a população. Quero também destacar importância do papel do Ministério Público e da Vara da Fazenda Pública na mediação e homologação da compensação ambiental destinada à implementação do cercamento do Parque, pista de caminhada e academia ao ar livre na área externa da unidade para que a população pratique exercícios interagindo com a natureza”, destacou a secretária de Meio Ambiente, Rosa Arruda.

A unidade vai contar com uma ampla estrutura, incluindo sede administrativa, estacionamento, viveiro, cercamento (alambrado, estaca e mureta), academia ao ar livre e pista de caminhada com extensão de 1.000 metros. De acordo com a Secretaria Municipal de Meio Ambiente, o viveiro do Parque Natural terá capacidade de produção anual de 68 mil mudas que serão utilizadas na arborização da cidade, recuperação de áreas degradadas e doação para a comunidade. A pista de caminhada e os equipamentos da academia ao ar livre beneficiarão com espaço para atividade física a comunidade do Conjunto Habitacional Itamar Guará I e II, bairros adjacentes e visitantes.

De acordo engenheiro-agrônomo, Léo Vieira Leonel, “a unidade de conservação irá proporcionar a preservação dos recursos naturais (Flora, Fauna…), a educação ambiental dos estudantes das escolas da rede pública e particular de ensino, melhoria da qualidade ambiental e para a realização de pesquisa científica. Como a área se encontra em uma região de transição (ecótono) entre os dois maiores Biomas brasileiros (Amazônia e Cerrado), ela apresenta uma rica biodiversidade, inclusive com espécies em risco de extinção (Erythroxylum ayrtonianum)”, disse Léo Vieira.

A estrutura interna do parque está em fase de implementação por parte do município e a implantação do cercamento, pista de caminhada e academia ao ar livre por meio de compensação ambiental fruto de mediação da 3ª Promotoria de Justiça Especializada de Imperatriz e homologada pela Justiça, por meio da 2ª Vara da Fazenda Pública da comarca local. A compensação ambiental é um mecanismo financeiro que visa contrabalançar os impactos ambientais previstos ou já ocorridos na implantação de empreendimento. É uma espécie de indenização pela degradação, na qual os custos sociais e ambientais identificados no processo de licenciamento são incorporados aos custos globais do empreendedor. (Léo Costa)

- Publicidade -spot_imgspot_imgspot_imgspot_img
- Publicidade -
- Publicidade -spot_imgspot_imgspot_imgspot_img

Últimas Notícias