- Publicidade -spot_imgspot_imgspot_imgspot_img
sábado, 15 / junho / 2024

- Publicidade -spot_imgspot_imgspot_imgspot_img
- Publicidade -spot_imgspot_imgspot_imgspot_img

Luciano Oliveira discute sustentabilidade do agro do Tocantins em reunião da Frente Parlamentar

Mais Lidas

Na tarde desta terça-feira, 10, o deputado estadual Luciano Oliveira participou da reunião da Frente Parlamentar do Agronegócio (FPA), que discutiu demandas importantes relacionadas à sustentabilidade do setor no Tocantins. Entre os principais tópicos abordados no encontro estão o Código Florestal do Estado e as unidades de conservação estaduais, conhecidas como Áreas de Proteção Ambiental (APAs).

Segundo o parlamentar, essas são demandas antigas do Tocantins que precisam ser esclarecidas para evitar prejuízos adicionais aos produtores rurais. “Mais de cinco mil produtores já foram afetados pela falta de segurança jurídica no setor. O agronegócio não é inimigo do meio ambiente, mas os trabalhadores da área necessitam de regras ambientais claras para evitar penalizações”, ressaltou.

O debate sobre esse tema continua ganhando força na Assembleia Legislativa, e o deputado Luciano Oliveira assegura que continuará em busca de uma solução eficaz para os trabalhadores do agronegócio. “Entendo a complexidade desse assunto e acredito que essas discussões são essenciais para resolver a questão sem causar prejuízos aos produtores ou ao meio ambiente. Estou atento a essa demanda e em busca de diretrizes claras para o setor”, afirmou.

Durante a reunião também foram abordadas outras temáticas acerca do desenvolvimento do agronegócio no Tocantins, como o Sistema Nacional de Cadastro do Ambiente Rural (CAR), terras da união para o Estado e outros. Além dos integrantes da frente parlamentar, o encontro também contou com a presença do presidente da Federação da Agricultura e Pecuária do Estado do Tocantins (Faet), Paulo Carneiro, do presidente do Sindicato Rural de Araguaína, Wagner Borges; de técnico do Sistema Faet/Senar, da presidente eleita da Aprosoja Tocantins, Caroline Schneider e de produtores rurais. (Vitória Soares)

- Publicidade -spot_imgspot_imgspot_imgspot_img
- Publicidade -
- Publicidade -spot_imgspot_imgspot_imgspot_img

Últimas Notícias