- Publicidade -spot_imgspot_imgspot_imgspot_img
quinta-feira, 30 / junho / 2022
- Publicidade -spot_imgspot_imgspot_imgspot_img
- Publicidade -spot_img

ANANÁS: Incra assentará 28 famílias resgatadas de trabalho escravo

Mais Lidas

Dezessete famílias resgatadas de trabalho escravo no município de Ananás serão assentadas em novo assentamento a ser implantado pelo Incra na localidade. A portaria de criação do assentamento foi publicada, dia 8 de dezembro, no Diário Oficial da União. Com o ato, o Incra fica autorizado a realizar a seleção e a homologação das famílias cadastradas.

O novo assentamento será implantado numa área de 1.941 hectares, desapropriado por não cumprir sua função social. O imóvel tem capacidade para receber até 28 famílias de agricultores familiares.

Outras famílias de trabalhadores rurais sem terra, indicadas pelo Sindicato dos Trabalhadores Rurais de Ananás, também serão beneficiadas após a conclusão da seleção e homologação dos cadastros realizados.

Condições degradantes

Irany Pereira Silva é um dos trabalhadores rurais resgatados de trabalho escravo no município, que aguarda a criação do novo assentamento. Ele trabalhava em condições degradantes numa fazenda na região até ser resgatado pelo grupo de fiscalização móvel do Ministério do Trabalho.

Segundo Silva, os trabalhadores rurais dormiam em redes, em barracos de palha, utilizavam a mesma fonte de água para consumo humano, trato dos animais e higiene pessoal. Além disso, as despesas com a compra de ferramentas e alimentos eram descontadas das diárias pagas. “As condições eram ruins e trabalhávamos para pagar o encarregado da propriedade”, conta.

Hoje, ele mora com a família em Ananás, trabalhando como diarista na cidade ou em fazendas da região. “Todas as famílias resgatadas aguardavam com ansiedade a criação do projeto, que representa um recomeço com segurança e oportunidades”, ressalta.

Implantação

O investimento inicial na instalação dos agricultores familiares será de R$ 756 mil. Para implantar o projeto, o Incra discutirá com as famílias selecionadas a elaboração de plano para promover o desenvolvimento do assentamento e orientar sobre a concessão de créditos.

Cada família assentada receberá recursos do Programa de Crédito Instalação, no valor de até R$ 27 mil, para garantir a segurança alimentar, o início das atividades produtivas e a construção de habitações.

Outros investimentos serão realizados na demarcação das parcelas, contratação de assessoria técnica, aberturas de estradas e eletrificação rural com o objetivo de promover o desenvolvimento do novo projeto. As famílias poderão acessar as linhas de crédito do Programa Nacional de Fortalecimento da Agricultura Familiar (Pronaf) para estruturar os lotes e investir na produção de alimentos em suas parcelas. (Flávio Freitas)

- Publicidade -spot_img

4 Comentários

Assinar
Notificar-me
guest
4 Comentários
Mais antigo
Mais recente Mais votado
Inline Feedbacks
View all comments
João Alberto

Todo esse trabalho e essa conquista da se ao empenho do Sindicatos dos Trabalhadores Rurais de Ananás, na pessoa do Senhor Olivan e o Senhor Gilma (CASTRO) em parceria com o Direitos Humanos, na pessoa do Zé do Incra. Vale ressaltar que é uma conquista dos trabalhadores junto ao Presidente LULA.

A Voz da Verdade!

Affssssssssssssss tmbm nao exagera!!!

CASTRO DO PT

Bom dia,ao meu amigo e companheiro BASOLÃO, minha gratidão por esta comentario, más quero lembrar que;
Esta é uma conquista que deve ser creditada a todos aqueles lutaram e lutam por uma vida digna para homens e mulheres. E de uma forma especial áqueles que por falta de oportunidade a unica coisa que sabem fazer é trabalhar na agricultura, e por esta rasão as veses são explorados por pessoas que DEUS deu a oportunidade de terem muito, que poderiam serem HUMANOS com os menos agraciados com as riquesas materiais.
Parabens a todos os que tiveram a coragem de defender os mais pobres, os que menos oortunidades de estudar tiveram, parabens aos trabalhadores que estão sendo assentados. Que DEUS ilumine a todos nós que lutamos e a nossa gestora minicipal que tem agora um papel importante neste processo, que é o de dar apoio a estas familias para que elas possam se fixarem em seus lotes.
PARABENS ao OLIVAM, EDMUNDO DO TEODORICO, SILVANO, TIOM DO PT, IRANY, RENO LEITE, e a todos aqueles que lutam por esta causa.
Agora é a vez da FAZENDA SÃO FRANCISCO (BOCA DA MATA) 164 FAMILIAS LÁ JÁ, VAMOS A LUTA COMPANHEIROS, pois Riachinho foi e esta na freste.

CASTRO DO PT

Quero aqui fazer justiça a luta do companheiro ZÉ DO INCRA nesta conquista, parabens tambem a este bravo companheiro.

- Publicidade -spot_img
- Publicidade -spot_img

Últimas Notícias