Connect with us

Bico do Papagaio

AUGUSTINÓPOLIS: Diagnóstico diz que hospital é um dos mais precários

Publicado

em

A Secretaria Estadual da Saúde (SESAU) apresentou nesta quarta-feira, 18, ao governador Siqueira Campos (PSDB) o diagnóstico feito pela Confederação das Santas Casas de Misericórdia do Brasil (CMB), sobre o estado operacional dos hospitais públicos estaduais do Tocantins, bem como a situação do diagnóstico por imagens e da distribuição de equipamentos e medicamentos na rede pública estadual de saúde.

A CMB visitou unidades de saúde dos 139 municípios do Estado, avaliando cerca de 1.700 itens das áreas de gerenciamento, estrutura, parte técnica e serviços terceirizados, como alimentação, pessoal de apoio e limpeza. Dentro de um critério de avaliação que varia de 0 a 100 pontos, a unidade de saúde no Tocantins que alcançou melhor pontuação foi o Hospital Geral de Palmas, que teve 53 pontos, alcançados principalmente pelas boas condições estruturais do prédio.

Já entre uma das unidades de saúde mais crítica do Estado figura o Hospital Regional de Augustinópolis que apresentou pontuação abaixo dos 20 pontos.

O diagnóstico da CMB aponta como uma solução imediata para resolver o problema em Augustinópolis seria a contratação de serviços e parcerias de entidades do terceiro setor. “E esta é uma possibilidade, esta parceria com o terceiro setor, que tem a maior satisfação do usuário. As Osips Organizações da Sociedade Civil de Interesse Público (OSIPS) tem know how pra resolver e serão menos morosas. Constitucionalmente estas organizações tem preferência para trabalhar junto à administração pública”, justificou o presidente da CMB, José Reinaldo Nogueira de Oliveira Júnior.

O próximo passo do governo agora é avaliar as possibilidades jurídicas para fechar contratos com as entidades do terceiro setor que apresentarem as melhores propostas. “Não queremos nada que gere malefícios para o usuário. Estamos levando em consideração todas as sugestões da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB), do Ministério Público Estadual (MPE), para não incorremos em erros” esclareceu o secretário estadual da saúde, Arnaldo Alves Nunes.

De acordo com o secretário, a parte jurídica deve estar finalizada até o final do mês e a expectativa do governo é de que as propostas de entidades do terceiro setor possam ser recebidas e avaliadas a partir do dia primeiro de junho. (Com informações do Portal CT)

publicidade
FAÇA UM COMENTÁRIO
Atenção: Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do Jornal. Se achar algo que viole ou fira sua honra pessoal, envie para o email: [email protected] que iremos analisar.
1 Comment

Bico do Papagaio

PRAIA NORTE: Quinta morte por Covid-19 é confirmada

Publicado

em

O quinto óbito por Covid-19 foi oficializado pela Secretaria de Estado da Saúde (SES), no município de Praia Norte, no Bico do Papagaio. A informação foi divulgada por meio do Boletim Epidemiológico.

A vítima é uma mulher de 84 anos, com hipertensão arterial sistêmica. Ela morreu na quinta, dia 25, no Hospital Regional de Augustinópolis.

Continue lendo

Bico do Papagaio

PRAIA NORTE: Morte é confirmada por Covid-19

Publicado

em

Neste sábado, 27, a Secretaria de Estado da Saúde (SES), por meio de seu Boletim Epidemiológico, confirmou mais um óbito por Covid-19, no município de Praia Norte, no Bico do Papagaio. Agora sobe para 4 o número de vítimas da doença.

O óbito oficializado neste sábado, é de um homem de 65 anos, obeso, de morreu dia 20 de janeiro, no Hospital Regional de Augustinópolis.

Continue lendo

Bico do Papagaio

TOCANTINÓPOLIS: Na Vila dos Pescadores, homem é preso com arma e maconha após agredir companheira

Publicado

em

Na noite de sexta-feira, 26, por volta das 21h, através de policiais militares da 5ª Companhia Independente, quando realizavam a Operação Pagamento em Tocantinópolis, a Polícia Militar prendeu um homem de 44 anos de idade, por posse irregular de arma de fogo de uso permitido. 

A prisão ocorreu quando os Policiais foram informados sobre uma ocorrência de violência doméstica na Rua da Palha, na Vila dos Pescadores. Quando chegaram na residência foram recebidos pela companheira do autor a qual relatou que mora com o acusado e que este havia lhe agredido com empurrões, mas não pretendia representar o crime de violência doméstica.  

Após entrevista com o casal, a mulher de 24 anos, informou que no interior da residência havia uma arma de fogo. Imediatamente a equipe efetuou busca e localizou a referida arma. Foi localizado também uma munição calibre 28 intacta, uma certa quantidade de substância análoga a maconha e cinco armas brancas. Outrossim, a arma de fogo localizada, trata-se de fabricação artesanal, tipo revólver, calibre 22.

O acusado foi conduzido à Delegacia da Polícia Civil em Tocantinópolis para os procedimentos cabíveis. As armas, a munição e a substância entorpecente foram exibidos na mesma delegacia.

Continue lendo
publicidade Bronze