Connect with us

Bico do Papagaio

AUGUSTINÓPOLIS: Justiça determina Unitins entregue diploma para aluna de Enfermagem

Publicado

em

O reitor da Fundação Universidade do Estado do Tocantins (Unitins) terá que expedir e realizar a entrega do diploma de Bacharel em Enfermagem, para uma estudante que concluiu o curso no primeiro semestre do ano passado, no campus de Augustinópolis. O mandado de segurança foi concedido na segunda-feira, 22, pelo juiz José Maria Lima, titular da 2ª Vara da Fazenda e Registros Públicos de Palmas.

Conforme os autos da ação movida pela Defensoria Pública de Axixá, a estudante colou grau na referida instituição de ensino, em janeiro do ano passado. Mas desde a conclusão do curso, nunca conseguiu a emissão do diploma do ensino superior e está impedida de exercer a profissão, pois não pode efetivar sua inscrição no Conselho Regional de Enfermagem estadual (Coren-TO).

Ainda segundo os autos, ela chegou a receber orientações para dar entrada no pedido de emissão do diploma pelo site da Unitins, mas não obteve êxito. O site da instituição informa apenas que o pedido está em processamento.

Conforme os autos, a Unitins alegou que a expedição dos diplomas de graduação, para os acadêmicos do curso de Enfermagem do Campus de Augustinópolis, aguarda o reconhecimento do curso pelo Conselho Estadual de Educação. Sem a regulamentação, a instituição não pode emitir diploma de curso ainda não reconhecido pelo Ministério da Educação (MEC).

Ao acatar os pedidos presentes na ação, o juiz citou um caso parecido, ocorrido em 2016, e que embora o curso estivesse em processo de reconhecimento, “a autoridade apontada como coatora promoveu a expedição do diploma à impetrante”.

O magistrado também afirmou na sentença que a Universidade encontra-se devidamente credenciada tanto no MEC quanto no Conselho Estadual de Educação, “o que lhe permitiu inclusive promover a expedição do diploma, na forma determinada, não havendo, portanto, qualquer prejuízo à impetrante e à instituição de ensino a expedição do diploma pleiteado”. (Natália Rezende)

publicidade
FAÇA UM COMENTÁRIO
Atenção: Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do Jornal. Se achar algo que viole ou fira sua honra pessoal, envie para o email: [email protected] que iremos analisar.
Faça um comentário

Bico do Papagaio

WANDERLÂNDIA: Nova morte por Covid-19 é confirmada

Publicado

em

O Boletim Epidemiológico da Secretaria de Estado da Saúde, desta quinta, 26, confirmou a sexta morte por Covid-19, no município de Wanderlândia, no Bico do Papagaio.

A vítima é um homem de 79 anos, com diabetes, insuficiência renal e hipertensão. Óbito no dia 1ª de agosto, no Hospital Regional de Araguaína.

Continue lendo

Bico do Papagaio

ARAGUATINS: Fiscais da Adapec participam de treinamento

Publicado

em

Fiscais da Agência de Defesa Agropecuária (Adapec) que atuam, nesta semana, nas barreiras fixas e volantes da regional do órgão de Araguatins, participam de um treinamento sobre nivelamento de trânsito de produtos vegetais.

De acordo com inspetor de defesa agropecuária, Grin Miranda Costa, o objetivo do treinamento é melhorar a atuação dos fiscais na área vegetal, bem como a padronização dos procedimentos realizados na fiscalização do trânsito vegetal em todo o Tocantins.

“Esse treinamento vem ocorrendo mensalmente, nas principais barreiras fixas do Estado. Nele, acompanhamos, na prática, o dia a dia dos fiscais na barreira, onde são feitas as orientações pertinentes ao trânsito vegetal”, explicou Grin Miranda.

Continue lendo

Bico do Papagaio

ARAGUATINS: Suspeito de envolvimento com o tráfico de drogas no Bairro Vila Cidinha é preso

Publicado

em

A Polícia Militar prendeu nessa quarta, 25, um homem de 20 anos, suspeito de envolvimento com o tráfico de drogas no Bairro Vila Cidinha, em Araguatins, no Bico do Papagaio. Em poder do indivíduo que já possui passagem pela polícia por tráfico de entorpecentes, a PM apreendeu diversas porções de substâncias análogas à maconha, pedra de crack e embalagens para a venda da droga.

A prisão foi feita pela equipe de Força Tática do 9º Batalhão da PM (9º BPM) durante a realização de patrulhamento naquele local. Os policiais se deparam com o autor e resolveram abordar o indivíduo. Parte da maconha foi localizada em poder do suspeito, o restante do entorpecente foi apreendido em uma residência indicada pelo acusado. A droga estava escondida no interior de um cesto de roupas.

Ao todo os policiais apreenderam quase 70 gramas de maconha, 20 gramas de crack e nove embalagens que seriam utilizadas para a comercialização dos entorpecentes. O autor e a proprietária da casa, 28 anos, onde a droga estava escondida, foram juntamente com os objetos conduzidos à Delegacia de Polícia para as demais medidas a serem tomadas.

Continue lendo
publicidade Bronze