Connect with us

Bico do Papagaio

AUGUSTINÓPOLIS: Kátia Abreu lança nesta sexta, projetos Travessia Leite e Travessia Bico

Publicado

em

Com objetivo de levar capacitação, saúde e habitação à população do Bico do Papagaio, a senadora Kátia Abreu participará neste final de semana de uma programação intensa em Augustinópolis, que tem como meta atender cerca de quatro mil famílias de produtores rurais com cursos de extensão e  16 mil famílias com casas populares do Fundo de Arrendamento Residencial (FAR) visando promover o desenvolvimento econômico e social da região. Além de realizar exames de prevenção de câncer  de colo de útero para as mulheres e exames de próstata para os homens. A programação inicia-se nesta sexta-feira, 21, com o projeto Ciranda da Cultura, que levará à população uma apresentação de show de quadrilhas no Colégio Estadual Manoel Vicente de Souza.

Um dos pontos  da programação é o projeto Travessia Leite, que pretende levar competitividade aos produtores de leite e derivados, melhorando a qualidade e reduzindo custos da produção, através de assistência técnica e extensão rural.  No Estado, serão investidos R$16 milhões para atender cinco mil produtores. As ações incluem investimentos para adequação à Instrução Normativa 62/2011 do Ministério da Agricultura, com a instalação de tanques de resfriamento e compra de ordenhadeiras, além de assistência técnica que será levada por técnicos agrícolas treinados pelo SENAR aos produtores. O encontro com produtores de leite e laticínios acontecerá às 9h, do sábado, 22, no Colégio Estadual Manoel Vicente de Souza e a expectativa é de adesão maciça ao programa, já que produtores que participaram conseguiram, no prazo de um ano, elevar sua produção de 200 litros por dia para 350 litros e aumentaram o lucro de cerca de R$ 19 mil para R$ 56 mil por mês.

Também acontecerão pela manhã de sábado,  no Colégio Estadual Manoel Vicente de Souza, atendimentos do programa Útero é Vida, com exames preventivos e palestras educativas contra o câncer de colo de útero e próstata. Às 11h, na Câmara de Vereadores de Augustinópolis, a senadora participa de uma reunião com diretores de escolas e diretoria regional de ensino para discutir a execução e ampliação do Programa Nacional de Acesso ao Ensino Técnico e Emprego (PRONATEC) na região.

Às 17h, também do sábado, 22,  na Câmara de Vereadores, Kátia Abreu se reunirá com os 25 prefeitos do Bico do Papagaio para instruí-los quanto as 16 mil casas liberadas junto à presidente Dilma Rousseff para o Bico do Papagaio. Uma das maiores preocupações da Senadora é a agilidade na construção das casas e a lisura no processo de seleção dos beneficiados. O SENAR promoverá durante todo o dia, um encontro de capacitação com os técnicos do RURALTINS que levarão assistência técnica aos produtores rurais da região Centro de Educação La Salle.

publicidade
FAÇA UM COMENTÁRIO
Atenção: Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do Jornal. Se achar algo que viole ou fira sua honra pessoal, envie para o email: [email protected] que iremos analisar.
2 Comments

Bico do Papagaio

Veja quantas doses da CoronaVac cada município do Bico vai receber nesta quarta, 20

Publicado

em

Após o pedido do Conselho das Secretarias Municipais de Saúde do Tocantins (COSEMS-TO), a Secretaria de Estado da Saúde (SES-TO) encaminhou nesta terça-feira, 19, a relação de doses da vacina CoronaVac, contra a Covid-19 que serão distribuídas aos municípios.

As doses chegam a Central de Distribuição em Araguaína no final da tarde desta terça, 19, e serão entregues aos municípios biquenses, a partir das 14h, desta quarta, 20.

Confira quantas doses cada município deve receber:

Continue lendo

Bico do Papagaio

Municípios do Bico ainda não sabem cota e quando iniciam imunização contra Covid-19

Publicado

em

Com a chegada do primeiro lote de vacinas CoronaVac, contra Covid-19, nesta segunda, 18, ao Tocantins, os municípios do Bico do Papagaio ainda não tem definida a data de inicio da vacinação e nem a quantidade de doses que serão recebidas.

É aguarda para esta terça, 19, que a Secretaria de Estado da Saúde (SES), informe as Secretaria Municipais de Saúde, cada cota.

A princípio, a SES recebeu o comunicado do Ministério da Saúde, que neste primeiro lote, seriam enviadas 29.840 doses da CoronaVac, depois, esse número cresceu para 44 mil.

As vacinas para os municípios do Bico, serão transportadas ainda nesta terça, para a Central de Distribuição, em Araguaína. De lá, os municípios farão a retirada e ficam responsáveis pela aplicação do imunizante e pela escolha das pessoas dos grupos prioritários indicados pelo Ministério da Saúde.

A CoronaVac foi desenvolvida pelo laboratório chinês Sinovac, e está sendo produzida, no Brasil, pelo Instituto Butantan, em São Paulo. O uso emergencial da vacina foi aprovado pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) no último domingo, 17. A agência também aprovou o uso emergencial da vacina de Oxford.

Continue lendo

Bico do Papagaio

Vacinas CoronaVac para o Bico serão levadas para Centro de Distribuição em Araguaína

Publicado

em

Começou na noite desta segunda, 18, à campanha de vacinação contra a Covid-19. As três primeiras pessoas escolhidas, que pertencem aos grupos prioritários, já foram imunizadas durante a solenidade de lançamento da campanha, realizada no Laboratório Central do Estado (Lacen), em Palmas, capital do estado.

O secretário de Estado da Saúde, Edgar Tollini, ressaltou que as vacinas serão enviadas imediatamente para todos os municípios, sendo que o ente municipal será responsável pela aplicação do imunizante e pela escolha das pessoas dos grupos prioritários indicados pelo Ministério da Saúde.

As vacinas destinadas aos 27 municípios do Bico do Papagaio, serão enviadas ainda nesta terça, 19, para um centro de Distribuição, na cidade de Araguaína. Lá, cada município biquense fica responsável pela retirada de sua cota. “Cada município tem a responsabilidade por seus cidadãos e com as pessoas dos grupos prioritários”, frisou o secretário Edgar Tollini, ao adiantar que a expectativa é vacinar a maior parte da população tocantinense ainda neste semestre.

A CoronaVac foi desenvolvida pelo laboratório chinês Sinovac, e está sendo produzida, no Brasil, pelo Instituto Butantan, em São Paulo. O uso emergencial da vacina foi aprovado pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) no último domingo, 17. A agência também aprovou o uso emergencial da vacina de Oxford.

Continue lendo
publicidade Bronze