Connect with us

Bico do Papagaio

CARRASCO BONITO: Famílias ligadas ao MST persistem no Acampamento Padre Josimo

Publicado

em

“Tinha cama, prateleira, fogão, berço, carrinho de bebê, cadeiras, rede e roupa, arroz. Foi triste ver as nossas coisas queimadas, ficar sem nada”. Olhando as cinzas do barraco em que vivia com seus seis filhos, o mais velho com 21 anos e a mais nova com nove meses, a lavradora Evane Sousa Silva, 33 anos, fala da tristeza em perder o pouco que tinha em um incêndio. Ela e outras 80 famílias resistem na luta por terra no acampamento Padre Josimo, em Carrasco Bonito, a 647 Km de Palmas, na região do Bico do Papagaio. As causas desse incêndio, ocorrido em 14 de agosto, ainda estão sob investigação.

Com um modo de vida comunitário, os lavradores reconstruíram as moradias em mutirão, onde uns ajudam com mão-de-obra. A madeira e palha, por exemplo, são coletadas na área do acampamento. Após o incêndio, os acampados se uniram para ajudar todos da comunidade, e após morar alguns dias com outra família, Evane recebeu um novo barraco, além de comida, utensílios de casa, colchão e roupas.

“Ainda tenho uma esperançinha, porque ainda estou aqui dentro. Eu queria a terra para os meus os filhos, para eles trabalharem. Eu não tenho estudo, meus filhos também não. Por isso acho que eles vão ter um futuro melhor na roça”, disse a lavradora que, assim como os demais acampados, é Assistida pela Defensoria Pública do Estado do Tocantins (DPE-TO).

O incêndio no acampamento não deixou vítimas fatais, mas destruiu muitos barracos. Algumas famílias perderam todos os seus pertences, além de uma grande quantidade de alimentos, já que seis alqueires plantados também foram atingidos pelas chamas.

Atendimentos 

Medidas importantes estão sendo tomadas pela DPE no Acampamento. A comunidade está sendo acompanhada pelo Núcleo Aplicado das Minorias e Ações Coletivas (NUAmac) de Araguaína e pelo Núcleo da Defensoria Pública Agrária (DPAgra). Os acampados tiveram atendimento jurídico da DPE na época do incêndio e, mais recentemente, no último dia 26.

Os acampados falaram de dificuldades para registrar boletim de ocorrência na localidade e solicitaram a atuação da DPE-TO para resolver esse problema. As famílias foram orientadas sobre como proceder em situações similares buscando o apoio dos Núcleos Especializados da DPE no registro de ocorrências em situações de dano coletivo.

Também foi informado aos Assistidos que existe no Ministério Público Federal (MPF) um pedido de informações acerca da área junto Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária (Incra), resultado de uma reunião conjunta realizada com a parceria interinstitucional da Defensoria Pública e MPF.

O acampamento

Segundo o Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra (MST), o acampamento Padre Josimo está situado em um assentamento do Incra, criado na década de 90, em uma região de forte disputa.

Os trabalhadores rurais relatam que o Incra destinou cerca de cinco mil hectares, contudo, no cartório só consta a desapropriação de pouco mais de dois mil hectares. A área restante não possui título de domínio e está sendo tomada por posseiros. (Keliane Vale, com informações do MST)

publicidade
FAÇA UM COMENTÁRIO
Atenção: Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do Jornal. Se achar algo que viole ou fira sua honra pessoal, envie para o email: [email protected] que iremos analisar.
Faça um comentário

Bico do Papagaio

ARAGUATINS: Coligação diz que Aquiles é alvo de fake news

Publicado

em

A Coligação “Uma Nova Política Para Um Novo Tempo”, disse por meio de Nota, que o candidato a prefeito, Aquiles da Areia (PP), vem sendo alvo de fake news.

Veja o que a Coligação diz:

A coordenação da Coligação “Uma Nova Política Para Um Novo Tempo”, formada pelos partidos políticos: PP, PSD e REPUBLICANOS, vem a público esclarecer que, ao contrário do que foi noticiado, na imprensa, o nosso candidato Aquiles da Areia foi ao hotel onde estava hospedado o governador Mauro Carlesse a convite do próprio governador.

Durante o café da manhã, houve uma conversa amistosa e em momento algum Aquiles da Areia fez qualquer pedido de apoio ao governador, conforme afirmado.

Outro fato que também destacamos, e que nos causou perplexidade, foi a afirmação que Aquiles da Areia tem uma grande rejeição. Entendemos que isso só pode ser confirmado através de pesquisa eleitoral autorizada e homologada no TRE de Tocantins. Como isso não aconteceu, estamos exercendo o nosso direito de contestar essa informação equivocada e maldosa, que tem o único objetivo de denegrir a imagem do nosso candidato.

Mas o povo não é bobo e diferencia muito bem o que é verdade do que é falso e não vai se deixar enganar.

Num momento em que todo o Brasil se une contra as fake news, não podemos aceitar passivamente que pessoas inescrupulosas envergonhe a nossa cidade e o nosso povo.

Vamos dizer não as fake news. Campanha eleitoral se faz com verdade e não enganando o povo, que merece saber a verdade para não errar na escolha.

Coordenação da Coligação “Uma Nova Política Para Um Novo Tempo”

Continue lendo

Bico do Papagaio

BURITI: Jovem morre em batida de moto com animal solto em rodovia

Publicado

em

Um jovem morreu vítima de acidente de trânsito, na madrugada desta quarta, 21, no município de Buriti, no Bico do Papagaio.

O jovem se chamava, José Kemensom, morador do PA Canaã e aluno do 9º ano da Escola Ney Braga. Ele estava em uma motocicleta e se chocou com um animal na rodovia TO-010. Morreu no local.

Continue lendo

Bico do Papagaio

ARAGUATINS: Ronaldinho intensifica visitas nos bairros

Publicado

em

O candidato do PT à Prefeitura de Araguatins, no Bico do Papagaio, Ronaldinho, tem focado em visitas de casa em casa, nos bairros da cidade, nesse momento da campanha, acompanhado de seu vice, Aparecido da Belina (PT) e de candidatos a vereador.

Ronaldinho destacou a nossa equipe, que o diálogo direto com o eleitor nesse momento de campanha, é importante para ajudar a compreender ainda mais as necessidades populares, bem como amostra com mais clareza e diretamente os projetos que tem para Araguatins.

“Nossa campanha é isso. Popular, sem gastos absurdos que vão comprometer a gestão. Não queremos virar prefeito a qualquer custo, para depois ter de tirar do patrimônio público para cobrir dívidas de campanha e penalizar a população. Vamos com muita humildade, mostrando casa a casa, eleitor a eleitor nosso projeto”, disse.

Continue lendo
publicidade Bronze