A Prefeitura de Palmeiras do Tocantins, através da Secretaria de Agricultura e Secretaria de Meio Ambiente e Turismo, realizou na terça-feira (24), a solenidade de apresentação da 2ª Edição do Programa Agricultura Forte.

O programa tem como objetivo o fortalecimento das atividades produtivas e melhoria das condições de vida das unidades familiares beneficiadas, através de ampliação da capacidade produtiva e geração de renda, contribuindo para a segurança alimentar e nutricional, das mais de 500 famílias de agricultores familiares tradicionais, assentados, ribeirinhos e comunidades tradicionais do município de Palmeiras do Tocantins que se encontram em situação de vulnerabilidade social.

O programa conta com 5 sub-programas, sendo eles, o programa Solo Fértil, que consiste no preparo do solo com gradagem de terras e assistência técnica para os produtores; o programa Mesa Farta, com a roça comunitária e o incentivo do uso de sementes certificadas, Arroz e feijão; o Programa Arborizar e Frutificar, que consiste na recuperação de nascentes, e plantação de mudas frutíferas; o programa saúde na mesa, em Parceria com o MDS, através do programa Bolsa Família, onde será feito um financiamento para compra de equipamentos para a construção de hortas; e o programa de desenvolvimento do mercado local, onde haverá o apoio técnico na realização projetos de venda aos programas PNAE, PAA e Feira, além do transporte para o escoamento dos produtos.

Estiveram presentes, a prefeita de Palmeiras do Tocantins, Nalva Braga; e todos os secretários, dentre eles, o Secretário de Agricultura, João Soares; Secretária de Meio Ambiente e Turismo, Ana Lídia Pantoja, que são responsáveis pelas pastas executoras do programa; e toda a equipe administrativa, além de pequenos produtores rurais e representantes de associações e entidades.

Após a apresentação dos dados sobre o Programa Agricultura Forte, a Prefeita Nalva Braga falou sobre a importância do projeto para o fortalecimento da produção dos pequenos agricultores e os eventuais impactos econômicos e sociais no município. “É um programa de extrema importância, e que está contribuindo para o fortalecimento da produção dos pequenos agricultores familiares da zona rural, onde já houve um crescimento de mais de 50% na produção. Vamos beneficiar o homem do campo, estimulando os pequenos agricultores e, promovendo assim a geração de renda e melhoria da qualidade de suas vidas.”

- Publicidade -

FAÇA UM COMENTÁRIO

Atenção: Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do Jornal. Se achar algo que viole ou fira sua honra pessoal, envie para o email: [email protected] que iremos analisar.