Lailton Costa trás em sua coluna Antena Ligada, do Jornal do Tocantins, nesta quinta-feira, 4, a informação que o parecer técnico conclusivo da Seção de Contas Eleitorais do Tribunal Regional Eleitoral (TRE) opina pela desaprovação das contas de campanha do ex-juiz Marlon Reis (Rede) ao governo do Tocantins nas eleições de 2018.

As irregularidades seriam:

– Não tem documento do partido na prestação fina assumindo as dívidas que ficaram;

– Dívida de campanha de R$ 751.898,32, sem a assunção pelo partido político que indique a fonte dos recursos que quitarão a conta;

– Elevação de 143% entre a prestação que seria a final na despesa de prestação de serviços de terceiros de R$ 41.500 para R$ 651.652,98, representando incompatibilidade entre as duas versões;

– Não há acordo expressamente formalizado pelo partido com origem, valor da obrigação, dados e anuência dos credores, nem cronograma de pagamento.

- Publicidade -

FAÇA UM COMENTÁRIO

Atenção: Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do Jornal. Se achar algo que viole ou fira sua honra pessoal, envie para o email: [email protected] que iremos analisar.