Connect with us

Bico do Papagaio

Rede estadual de ensino no Tocantins inicia atividades não presenciais nesta segunda, 29

Publicado

em

A Secretaria de Estado da Educação, Juventude e Esportes (Seduc) inicia nesta segunda-feira, 29, as atividades não presenciais para os 16.845 estudantes da 3ª série do ensino médio na rede estadual. Esta é a primeira etapa do cronograma de retomada do ano letivo, seguindo o modelo educacional que será utilizado durante e após a pandemia.

A proposta, que visa assegurar a reorganização do Calendário Escolar 2020, será desenvolvida de forma gradual e sistêmica, seguindo um cronograma ajustável de acordo com o avanço ou redução da epidemia do novo Coronavírus.

Todas as medidas foram planejadas tendo como base cinco pilares: a segurança dos profissionais de educação e dos estudantes; o respeito à diversidade da comunidade escolar; a garantia do ano letivo para os estudantes da 3ª série, ainda no ano civil 2020; a garantia da conclusão do ano letivo para todos os estudantes, independente do calendário civil; e a garantia de que o ano letivo de 2021 transcorra independente do ano 2020.

“A decisão de iniciar com os estudantes concluintes leva em consideração o fato de estarem em vias de realizar vestibulares e o Exame Nacional do Ensino Médio. Aos demais alunos, que terão um tempo maior conosco na rede estadual, eu gostaria de tranquilizá-los que o retorno às aulas está sendo planejado de forma gradativa e com toda segurança necessária”, assegura a titular da Seduc, Adriana Aguiar.

Metodologia

O ensino não presencial prevê que os estudantes da 3ª série do Ensino Médio cumpram parte da carga horária no formato não presencial, entre os dias 29 de junho a 31 de julho. Os alunos podem optar pelo acesso aos conteúdos pela internet ou por receberem os materiais impressos. Antes de iniciar a etapa não presencial, os professores receberam formação com as orientações sobre a metodologia e os mecanismos de acompanhamento dos alunos neste modelo de ensino.

Além do material impresso, ou digital, os alunos recebem o roteiro de estudos de cada disciplina, construído pelos próprios professores. Os estudantes que não têm acesso à internet e moram na zona urbana estão retirando o material impresso na escola. Já os estudantes da zona rural receberão as atividades por meio do transporte escolar em cada comunidade em seus domicílios.

Semipresencial

 O formato semipresencial terá início também com os estudantes da 3ª série do Ensino Médio e, gradualmente, será ampliado para as demais séries. Este formato está previsto para começar no dia 3 de agosto e consiste nos estudantes cumprindo sua carga horária parte não presencial e parte presencial.

Para tanto, está prevista a realização de revezamento de turmas. Uma semana, metade da turma participa de atividades presenciais na escola, enquanto a outra metade desenvolverá atividades não presenciais, seguindo os roteiros de estudos, que serão validados na semana subsequente, quando estarão presencialmente na escola.

Cronograma

O cronograma de retomada do ano letivo pode ser ajustado em determinados municípios, a depender do avanço ou redução da Covid-19.

29 de junho a 31 de julho – aulas não presenciais para os 16.845 estudantes da 3ª série do Ensino Médio;

03 de agosto – início das aulas presenciais para 50% dos estudantes da 3ª série do Ensino Médio;

10 de agosto – revezamento com os outros 50% dos estudantes da 3ª série do Ensino Médio;

17 de agosto – início das aulas presenciais para 50% dos estudantes da 1ª e 2ª série do Ensino Médio;

24 de agosto – revezamento com os outros 50% dos estudantes da 1ª e 2ª série do Ensino Médio;

31 de agosto – início das aulas presenciais para 50% dos estudantes do Ensino Fundamental;

09 de setembro – revezamento com os outros 50% dos estudantes do Ensino Fundamental;

Até 31 de janeiro de 2021 – fim do ano letivo 2020;

Fevereiro de 2021 – início do ano letivo 2021.

publicidade
FAÇA UM COMENTÁRIO
Atenção: Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do Jornal. Se achar algo que viole ou fira sua honra pessoal, envie para o email: [email protected] que iremos analisar.
Faça um comentário

Bico do Papagaio

ARAGUATINS: Ainda em estado grave, médico diz que na próxima semana Osemar pode estar consciente e fora do tubo

Publicado

em

A última Nota divulgada pela família, ma noite de quinta, dia 24, informa que o empresário Osemar Mousinho, que pretendia disputar a Prefeitura de Araguatins, ainda está na UTI e inconsciente, com quadro estável, porém com boas perspectivas apontadas pela equipe médica

Leia a Nota:

Continue lendo

Bico do Papagaio

ARAGUATINS: Pedido de registros de Cláudio e Ian são formalizados junto a Justiça. Conheça os Planos de Governo

Publicado

em

A coligação “Justos Por Araguatins”, integrada por MDB e SD, formalizou, nesta sexta-feira (25), o pedido de registro de candidatura à reeleição de Cláudio Santana (MDB) e de seu novo vice Edgar Tolentino (SD), à prefeitura de Araguatins, no Bico do Papagaio.

O candidatos do PL, Ian Cavalcante e seu vice Milton Jonathan, também oficializaram o pedido

Conforme informado, a documentação foi encaminhada de forma digital, através de sistema disponibilizado pela Justiça Eleitoral, em cumprimento às novas regras definidas em razão da pandemia do Coronavírus (Covid-19).

Os partidos políticos e as coligações têm até o sábado, dia 26, para entregarem requerimento de registro de seus candidatos.

Clique AQUI e conheça o Plano de Governo de Cláudio Santana e AQUI o de Ian Cavalcante.

Continue lendo

Bico do Papagaio

XAMBIOÁ: Justiça cassa Liminar de Júnior Leite e candidato pode ficar fora de eleição

Publicado

em

O Tribunal de Justiça (TJ), por meio da 2ª Câmara Cível cassou a Liminar que garantia ao candidato do MDB, Júnior Leite, a condição de disputar o pleito eleitoral deste ano. A Liminar suspendia a condenação por ato de improbidade administrativa quando Júnior Leite, foi prefeito de Xambioá e não prestou contas de um convênio com a Secretaria do Trabalho e Ação Social do Tocantins (Setas).

A Ação foi ajuizada pelo administração do ex-prefeito, Richard Santiago e causou condenação de 6 anos de inelegibilidade a Júnior Leite.

A decisão pela cassação da Liminar foi unânime da 2ª Câmara Cível.

A defesa de Júnior Leite afirma ainda que o processo não configura enriquecimento ilícito nem dano ao erário e, por isso, é improvável que ele esteja inelegível.

Continue lendo
publicidade Bronze