- Publicidade -spot_imgspot_imgspot_imgspot_img
- Publicidade -spot_imgspot_imgspot_imgspot_img
sexta-feira, 19 / abril / 2024

- Publicidade -spot_img
- Publicidade -spot_imgspot_imgspot_imgspot_img
- Publicidade -spot_imgspot_imgspot_imgspot_img

SÃO GERALDO: Workshop discute potencial turístico de áreas protegidas

Mais Lidas

Quase 85% das bases do turismo em São Geraldo do Araguaia, município do sudeste paraense, estão dentro das Unidades de Conservação (UCs) administradas pelo Instituto de Desenvolvimento Florestal e da Biodiversidade (Ideflor-Bio): o Parque Estadual Serra dos Martírios-Andorinhas (Pesam) e a Área de Proteção Ambiental (APA) Araguaia.

O potencial turístico dessas UCs e de outras áreas foram discutidos nesta segunda-feira (24), durante o Workshop NVX Destinos Turísticos Inteligentes, promovido pelo Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae-Pará), em parceria com a Secretaria de Estado de Turismo (Setur) e a Prefeitura de São Geraldo do Araguaia.

No evento foram abordadas formas de atrair e reter turistas, gerando renda nas comunidades locais. Também foram compartilhadas estratégias que permitirão o fortalecimento da governança, do desenvolvimento e da melhoria de produtos e roteiros turísticos inovadores.

Eixos – Com esse conhecimento, o trade turístico local poderá enxergar alguns anos à frente do seu tempo, para que a região alcance outros patamares nos nove eixos propostos durante o encontro: governança turística, sustentabilidade, inovação, conectividade, informação, acessibilidade, qualidade de vida, criatividade e soluções turísticas.

O resultado do evento possibilitará a construção de estratégias comuns para apoiar cada ecossistema participante, de forma interdependente; antecipar tendências e detectar oportunidades em rede, além dos impactos mais significativos para as comunidades locais.

Para o condutor de visitante Francinaldo Bezerra, é de grande importância que as UCs sejam divulgadas como destino turístico sustentável, e que as pessoas possam conhecer mais essas áreas, tanto quem mora em São Geraldo do Araguaia, como visitantes de outros estados e países. “Nós, representantes da Associação dos Condutores de Trilhas do Pesam e APA Araguaia, estamos participando de forma ativa do evento, e com o apoio do Sebrae esperamos melhorar nosso trabalho, ter os nossos equipamentos de apoio logístico, para que a gente possa cada vez mais levar o turismo mais adiante, o que será muito importante para o presente e futuras gerações do nosso município, Estado e toda a região”, disse o profissional.

Atrativos – De acordo com a titular da Gerência da Região Administrativa do Araguaia (GRA), Laís Mercedes, dentro do Pesam e da APA Araguaia há diversos atrativos turísticos, incluindo cachoeiras, mirantes, praias, encontro dos biomas Cerrado e Amazônia, cavernas, grutas, trilhas, pinturas e gravuras rupestres. “Portanto, esse evento em nosso município está sendo extremamente relevante por oferecer uma metodologia participativa, com muitos atores envolvidos. Dessa forma, fortalecendo e construindo o fomento do turismo ecológico e sustentável em nossa região”, afirmou a gerente.

Segundo a diretora de Gestão e Monitoramento das Unidades de Conservação do Ideflor-Bio, Socorro Almeida, a maioria dos atrativos turísticos dentro de São Geraldo do Araguaia está dentro das UCs de responsabilidade do Ideflor-Bio. “Nós estamos aqui para participar e ajudar nessa construção, que é interesse de todos, não somente do Ideflor-Bio, mas do setor turístico, da prefeitura, do Sebrae e de todos que participam da construção coletiva desse destino inteligente”, ressaltou.

Socorro Almeida disse ainda que a região de São Geraldo do Araguaia vai ser uma nova porta de entrada do Pará, e que esse destino precisa estar estruturado, não somente para um turismo doméstico, mas para uma pretensão bem mais alta de turismo nacional e até estrangeiro. “O Pará está perto de ser escolhido para sediar a COP30, em 2025, e precisamos estruturar o que nós temos de potencial, e transformar isso em produto turístico de fato”, acrescentou a diretora. (Vinícius Leal)

- Publicidade -spot_imgspot_imgspot_imgspot_img
- Publicidade -spot_imgspot_imgspot_imgspot_img

Últimas Notícias