Connect with us

Bico do Papagaio

ANANÁS: PRE propõe ação de investigação eleitoral e representação contra Wilson Saraiva

Publicado

em

A Procuradoria Regional Eleitoral no Tocantins propôs uma ação de investigação judicial eleitoral e uma representação contra o Secretário de Desenvolvimento Econômico e Social do município de Ananás-TO, Wilson Saraiva de Carvalho, por ter praticado abuso de poder e ter oferecido bens em troca de voto durante o período eleitoral de 2010, respectivamente. A PRE/TO requer, na representação, a aplicação de multa no valor de mil a cem mil UFIRs e, ação de investigação, a  inelegibilidade do secretário por oito anos contados a partir das eleições de 2010.

 Em setembro deste ano, o secretário, também marido da prefeita da cidade, ameaçou uma eleitora do município de não permitir que a construção de sua casa, recebida por convênio, fosse concluída caso ela não votasse nos candidatos Carlos Gaguim, Cesar Hallum e Luana Ribeiro. A eleitora em questão foi contemplada em 2008 com a construção de sua casa própria pelo convênio entre a Associação Comunitária de Ananás, da qual Wilson Saraiva era presidente à época, e a Caixa Econômica Federal, em troca de seu voto nas eleições municipais. Depois do pleito municipal, foram construídas as fundações da casa. Nas eleições deste ano, como a eleitora não acatou a ameaça, Wilson Saraiva retirou o material de construção que seria usado na construção das paredes e do telhado. Segundo a ação de investigação eleitoral, a conduta do secretário se caracteriza como abuso de poder político, econômico e de autoridade, tipificado inciso XIV do art. 22 da LC 64/90 (redação da LC 135/2010).

 Ainda em setembro de 2010, o representado prometeu concluir a casa de outra eleitora, recebida através do mesmo convênio, em troca de seu voto nos mesmos candidatos citados acima. Três dias depois que a eleitora fez o acordo com o secretário, este lhe entregou os tijolos a serem usados na obra. Oferecer, prometer ou entregar a eleitor bens ou vantagens em troca de seu voto, desde o dia do registro da candidatura até o dia da eleição, é proibido pela Lei 9504/97 art. 41-A.

 A PRE solicita a aplicação de multa no valor de mil a cem mil UFIRs ao representado. Além de ser declarada a inelegibilidade do investigado por oito anos contados a partir das eleições de 2010. Nas duas manifestações, é ressaltado ainda não há qualquer evidência da participação, aprovação ou mesmo conhecimento dos candidatos das práticas ilícitas do secretário. (Assessoria de Imprensa/ MPF)

publicidade
FAÇA UM COMENTÁRIO
Atenção: Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do Jornal. Se achar algo que viole ou fira sua honra pessoal, envie para o email: [email protected] que iremos analisar.
3 Comments

Bico do Papagaio

BURITI: Família busca apoio de autoridades para recambiar corpo de buritinense assassinada pelo marido no Suriname

Publicado

em

Casa na vila onde ocorreu o crime no Suriname na fronteira com a Guiana Francesa.

Familiares da biritinense Romenia Brito, de 28 anos, morta a facadas na madrugada de segunda, 23, em uma vila nas margens do rio Lawa, no resort Tapanahony, distrito de Sipaliwini, no Suriname, precisam de ajuda financeira e protocolar para repatriar o corpo e trazer os dois filhos de Romenia de volta ao Tocantins.

O acusado do crime é o marido de Romenia, Aimar Lopes de Souza, que foi preso e levado junto com o corpo da vítima, para a capital do Suriname, Paramaribo, a cerca de 280 km do local do crime.

A família ficou sabendo da morte, no início da manhã de segunda-feira ao tentar fazer contato com a vítima por um aplicativo de celular, quando foram informados por uma moradora da vila no Suriname, que faz fronteira com Maripasoula uma comuna da Guiana Francesa.

A morte foi presenciada pelo filho de 10 anos do casal.

Os dois filhos de Romenia estão na casa de uma vizinha, na mesma vila onde aconteceu o crime. Além do menino de 10 anos, Romenia tinha um filho de cinco.

A família informou que entrou em contato com o Itamaraty e aguarda ajuda para repatriar o corpo e trazer as crianças para Buriti. O órgão federal ainda não se manifestou.

Continue lendo

Bico do Papagaio

ANANÁS: Mulher faz da própria casa “boca de fumo”

Publicado

em

Policiais Civis da 18ª Delegacia de Ananás, comandados pelo delegado Teofábio Alves Siqueira efetuaram na manhã desta terça-feira, 24, naquela cidade, a prisão de uma mulher, de 21 anos por tráfico de drogas.

Conforme a autoridade policial, há algumas semanas os policiais da 18ª DP já estavam investigando a suspeita devido a indícios de que ela estaria utilizando a própria residência como ponto de venda de drogas. Dias depois esse fato foi confirmado.

Desse modo, o Delegado representou junto ao Poder Judiciário por um mandado de busca na residência da mulher, fato que foi acolhido pelo juízo da Comarca Local.

De posse da ordem judicial, os policiais foram até o imóvel no início da manhã de hoje e, após realizarem buscas no interior dos cômodos do imóvel, encontraram uma pequena bolsa contendo 22 porções de droga aparentando ser crack e uma pequena porção de droga do tipo maconha.

Diante dos fatos, a mulher foi conduzida até a sede da 18ª DP onde foi autuada em flagrante pelo crime de tráfico de drogas.

Segundo o delegado Teofábio, a droga encontrada na residência da mesma só confirma que de fato, estava ocorrendo à comercialização da droga no local. “A operação foi exitosa, pois, o mais importante é retirar de circulação a vendedora final do entorpecente, impedindo que a droga chegue as mãos de usuários, o que acaba fomentando a prática de outros crimes como furtos e roubos”, ressaltou a autoridade policial.

Continue lendo

Bico do Papagaio

SAMPAIO: Casal é preso no Bairro Parque das Estrelas traficando drogas

Publicado

em

As Polícias Militar e Civil prenderam na noite dessa segunda-feira, 23, uma mulher de 28 anos a qual já responde em liberdade por tráfico de drogas em Imperatriz-MA e um homem de 21, acusados de envolvimento com o tráfico de entorpecentes. As abordagens ocorreram no Bairro Parque das Estrelas, em Sampaio, no Bico do Papagaio.

Os policiais chegaram até aos acusados por meio de denúncia de que na casa da autora ocorria venda de drogas. O suspeito de 21 anos deixava a residência da acusada quando foi preso pelos policiais. Em poder do indivíduo foram apreendidas duas porções de maconha encontradas em seu short.

Na residência da mulher a PM e PC apreenderam um aparelho celular; um rolo de papel alumínio; 50 gramas de maconha, enterradas no quintal da casa, R$ 17,00 em espécie e um comprovante de depósito no valor de R$ 150,00 em favor de uma possível fornecedora de drogas, residente em Imperatriz.

Todo o material apreendido juntamente com os envolvidos foi apresentado na Central de Atendimento da Polícia Civil em Araguatins para as demais providências. O homem foi submetido a Termo Circunstanciado de Ocorrência (TCO), e a mulher foi autuada em flagrante delito por tráfico de drogas.

Continue lendo
publicidade Bronze